Portal Jornal

Seu portal de notícias!
Cirurgia fetal: o incrível avanço tecnológico

Em 2016, o médico nigeriano Oluyinka O. Olutoye surpreendeu a todos com um tipo de cirurgia que pouquíssimos profissionais do ramo da medicina estão aptos a fazer: a cirurgia feta. Naquele ano, Olutoye operou um bebê no útero em um hospital infantil do Texas, nos Estados Unidos.

Com auxílio do doutor Darrell Cass, ambos lideraram uma equipe de 21 profissionais para remover um teratoma sacrococcígeo, um grande tumor do cóccix do bebê. O procedimento foi feito com 23 semanas de gravidez e demorou um total de cinco horas. Para isso, a criança foi removida do útero por 20 minutos e depois recolocada sem grandes complicações.

Leia mais…

Em 2016, o médico nigeriano Oluyinka O. Olutoye surpreendeu a todos com um tipo de cirurgia que pouquíssimos profissionais do ramo da medicina estão aptos a fazer: a cirurgia feta. Naquele ano, Olutoye operou um bebê no útero em um hospital infantil do Texas, nos Estados Unidos.Com auxílio do doutor Darrell Cass, ambos lideraram uma equipe de 21 profissionais para remover um teratoma sacrococcígeo, um grande tumor do cóccix do bebê. O procedimento foi feito com 23 semanas de gravidez e demorou um total de cinco horas. Para isso, a criança foi removida do útero por 20 minutos e depois recolocada sem grandes complicações.Leia mais…

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Generated by Feedzy