Portal Jornal

Seu portal de notícias!
Ucrânia deve se tornar candidata à União Europeia nesta quinta-feira
Os 27 países-membros da União Europeia (UE) apoiaram em “consenso total” a candidatura da Ucrânia ao bloco, anunciou o ministro francês de Assuntos Europeus, Clément Beaune. A decisão foi tomada em uma reunião do grupo nesta terça-feira (21), poucos dias antes da cúpula de Bruxelas, que deve dar uma resposta formal ao pedido de candidatura na quinta-feira (23).

“Houve um consenso total para avançar com esse reconhecimento o mais rápido possível”, disse Beaune. A expectativa é que a UE siga o parecer favorável da Comissão Europeia em relação à entrada da Ucrânia no bloco.

“Estamos trabalhando para dizer (ao presidente russo Vladimir) Putin que a Ucrânia pertence à Europa, que também defenderemos os valores que a Ucrânia defende”, afirmou o ministro de Relações Exteriores de Luxemburgo, Jean Asselborn.

Embora alguns países do norte da UE se mostrem receosos de aceitar a Ucrânia, o ministro das Relações Exteriores da Dinamarca, Jeppe Kofod, afirmou ser favorável à entrada do país no grupo. “É muito bom e é algo que a Dinamarca apoia de todo o coração; queremos ajudar a Ucrânia a alcançar seu sonho europeu”, afirmou Kofod.

Além da Ucrânia, a Moldávia também deve receber o status de candidata ao bloco, enquanto a Geórgia ainda deve demorar um pouco mais para receber esse status, já que precisa cumprir algumas condições para superar o impasse político no seu território.
Mesmo se a Ucrânia for aceita como candidata à UE na quinta-feira, ainda levará anos para que o país se torne membro do grupo. Uma decisão favorável à candidatura apenas mudaria a estratégia do leste da UE em relação à guerra.
*Com informações da Reuters.

Membros do bloco se reuniram nesta terça-feira e se mostraram favoráveis ao pedido ucraniano

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Generated by Feedzy