Portal Jornal

Seu portal de notícias!
Ucrânia afirma que Rússia atira em cidades próximas a usina nuclear
Forças russas dispararam mísseis e artilharia em áreas controladas pela Ucrânia do outro lado do rio da maior usina nuclear da Europa, disseram autoridades neste sábado, 27, enquanto a preocupação persistia com a segurança na usina controlada pela Rússia depois que ela foi temporariamente desligada.

“Mísseis Grad e projéteis de artilharia atingiram as cidades de Nikopol e Marhanets, cada uma a cerca de 10 quilômetros (6 milhas) e do outro lado do rio Dnieper a partir da usina nuclear de Zaporizhzhia”, disse Valentyn Reznichenko, governador da região de Dnipropetrovsk, na Ucrânia.

As forças russas ocuparam o complexo da usina nuclear no início da guerra na Ucrânia, e os trabalhadores ucranianos o mantiveram funcionando. Cada lado acusou repetidamente o outro de bombardear o complexo, levantando temores de que os combates possam desencadear uma catástrofe.

A agência de energia atômica da Organização das Nações Unidas (ONU) está tentando enviar uma equipe para inspecionar e ajudar a proteger a usina. Autoridades disseram que os preparativos para a visita estão em andamento, mas ainda não está claro quando ela pode ocorrer.

A Ucrânia alegou que a Rússia está usando a usina como um escudo, armazenando armas lá e lançando ataques ao seu redor. Moscou, por sua vez, acusa a Ucrânia de disparar de forma imprudente contra o complexo nuclear.

Agência de energia atômica da ONU está tentando enviar uma equipe para inspecionar e ajudar a proteger o local

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Generated by Feedzy