Portal Jornal

Seu portal de notícias!
Milhares de apoiadores de extrema-direita protestam contra o governo na Espanha
Milhares de simpatizantes do partido de extrema-direita Vox se manifestaram em várias cidades da Espanha, incluindo Madri, contra o governo do esquerdista Pedro Sánchez. Cerca de 25.000 pessoas, segundo a polícia, se reuniram na central Plaza de Colón, na capital espanhola, dominada por uma enorme bandeira nacional, que também foi carregada por muitos dos manifestantes.
“Temos um governo que governa contra o povo, que importa crimes que nem sabíamos, que reduz a pena desses crimes, que desarma a polícia”, declarou o presidente do Vox, Santiago Abascal, em discurso.
O líder político aludiu à futura abolição do crime de sedição, pelo qual foram condenados nove funcionários catalães pró-independência, como resultado do seu papel na tentativa de secessão da sua região, no nordeste de Espanha, em 2017.
A alteração do Código Penal, que deve acontecer antes do fim do ano, incentivará, segundo a oposição de direita e extrema-direita, novas tentativas de secessão na Catalunha, pois serão punidas com mais leveza. A emenda fez com que alguns condenados fossem libertados da prisão, reduzindo suas penas.
“Somos governados agora… por pessoas separatistas, somos governados por pessoas que não querem ser espanholas, então essa é a minha principal razão de estar aqui”, disse César Peinado, ex-caminhoneiro de 65 anos.
O Executivo chefiado por Sánchez governa em minoria e desde a sua formação foi forçado a negociar com os grupos pró-independência catalães ou bascos para aprovar leis.

Policiais se reuniram na central Plaza de Colón

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Generated by Feedzy