Portal Jornal

Seu portal de notícias!
Furacão Ian perde força no sudeste dos EUA após deixar ao menos 23 mortos
A tempestade Ian perdia força neste sábado, 1º, em sua passagem pelo sudeste dos Estados Unidos. Os meteorologistas esperam que ela se dissipe durante a noite, depois de causar inundações na Carolina do Sul e devastar boa parte da Flórida, onde deixou 23 mortos, embora alguns veículos da mídia considerem que esse número é maior. O canal de televisão CNN fala de 45 mortos.
Após causar estragos na Flórida, Ian chegou na sexta-feira, 30 à tarde na Carolina do Sul como furacão de categoria 1, com ventos de até 140 km/h, segundo o Centro Nacional de Furacões (CNH). Depois perdeu força até se tornar uma tempestade pós-tropical. Na manhã deste sábado (6h no horário de Brasília), seus ventos caíram para cerca de 50 km/h em sua passagem pela Carolina do Norte, informou o NHC.
 presidente americano Joe Biden pediu aos cidadãos que não ignorem os alertas das autoridades locais, como na Carolina do Sul, onde pediram para não circular por estradas alagadas. “É uma tempestade perigosa que trará ventos fortes e muita água, mas o mais perigoso será o erro humano. Sejam inteligentes, tomem boas decisões, verifiquem como estão seus amigos e familiares e se mantenham a salvo”, tuitou o governador Henry McMaster.
Cerca de 575 mil famílias e empresas estavam sem energia elétrica na sexta-feira à noite na Carolina do Sul, Carolina do Norte e Virgínia, segundo o site especializado PowerOutage. 
Na Flórida, além do alto número de vítimas humanas, os danos materiais são “históricos” devido às inundações sem precedentes, segundo o governador Ron DeSantis. Na sexta-feira, em Kissimmee, não muito longe de Orlando, as autoridades percorriam as áreas inundadas de barco para resgatar os moradores presos em suas casas.
“Estamos apenas começando a ver a magnitude da destruição (…) que provavelmente está entre as piores” da história dos Estados Unidos. A reconstrução levará meses, anos”, disse  Joe Biden.
Mais de 1,4 milhão de clientes da Flórida permaneciam sem energia elétrica na sexta-feira à noite, dois dias depois da passagem de Ian, segundo o PowerOutage.

Mídia afirma que número de vítimas fatais pode chegar a 45

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Generated by Feedzy