Portal Jornal

Seu portal de notícias!
Bombardeio russo deixa seis mortos no leste da Ucrânia
Seis pessoas morreram em um bombardeio russo em Toretsk, leste da Ucrânia, onde Moscou intensifica suas operações, anunciou o Serviço Estatal Ucraniano para Situações de Emergência nesta segunda-feira, 18.O ataque coincide com uma reunião em Bruxelas, onde os ministros das Relações Exteriores da União Europeia (UE) planejam aumentar a pressão contra a Rússia com novas sanções.
Um ataque de granada contra um prédio em Toretsk, cidade de cerca de 30.000 habitantes na região de Donetsk, matou seis pessoas, segundo autoridades locais. Donetsk é uma das duas províncias que compõem a bacia de mineração de Donbass, que Moscou busca controlar. O bombardeio atingiu uma estrutura nos arredores da cidade, conhecida como “a casa de oração”, que antes da guerra abrigava Testemunhas de Jeová, apontou uma moradora, cuja residência fica a cerca de 30 metros de distância.
“Estava com a janela aberta, houve uma grande explosão por volta das 5h da manhã, com pedras e poeira”, disse Nadiejda à AFP. Um militar confirmou o balanço, mas se recusou a especificar se as vítimas eram do exército. O acesso ao prédio foi proibido.
Duas pessoas morreram em 24 horas em bombardeios russos na região de Kharkiv, segundo o governador regional, Oleh Synyehubov. Também foram registrados ataques em Mykolaiv e na região de Odessa, no sul da Ucrânia, e em Nikopol, no centro do país, às margens do rio Dnieper. Por sua vez, o porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov, informou que 250 “mercenários estrangeiros” foram mortos em um bombardeio russo na cidade de Kostyantynivka, em Donetsk, sem dar mais detalhes.

Ataque na região de Donetsk atingiu imóvel que, antes da guerra, abrigava um templo de Testemunhas de Jeová

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

Generated by Feedzy